Tempo de leitura: ~9 minutos. Você também pode ouvi-lo no Podcast acima e ainda fazer download para ouvir aonde você quiser clicando sobre o título no player.

Depois de 38 anos eu acabei descobrindo um pouco mais sobre o meu corpo e como ele funciona e claro, isso faz parte da rota do autoconhecimento e da auto-observação que se iniciaram há alguns anos. O resultado dessa experiência você confere a seguir.

Quero começar este artigo te fazendo uma pergunta: você conhece seu corpo, sabe como ele funciona, o que te faz bem e o que te faz mau?

A verdade chega a ser um absurdo completo: eu conhecia muito pouco sobre como o meu corpo funciona e o que me fazia engordar ou emagrecer.

Depois dessa experiência ficou claro para mim que o homem conhece mais sobre a lua e o fundo do mar do que a si próprio.

Os olhos e o interesse do homem estão mais voltados para o exterior do que para o seu interior, e arrisco dizer que é por isso que o mundo está um caos com valores tão invertidos.

Essa experiência iniciou-se em Dezembro de 2015, aonde o objetivo principal era causar um choque na minha vida e tentar coisas diferentes relacionadas a alimentação, exercícios físicos e hábitos ruins.

O SONO

A primeira coisa que eu fiz foi começar a acordar as 5:30 da manhã para correr durante 20-30 a minutos.

Fiz isso para comprovar uma coisa que eu li que dizia que a vibração da energia do exercício físico é uma das mais altas vibrações, tem o poder de anular a vibração de energias negativas, como a do pensamento e se mantém durante boa parte do seu dia.

Eu já até dei essa dica aqui em um dos meus artigos, pois realmente essa energia é um catalisador para começar o dia com pensamentos mais sadios e te ajuda a anular a energia de qualquer pensamento ou sentimento negativo.

Se você tem dificuldade de iniciar o dia com pensamentos positivos, experimente adicionar exercícios físicos em sua manhã.

Com esta ação eu resolvi dois problemas de uma vez. Mudei o hábito do sono, que ainda resistia em acordar cedo e adicionei exercícios físicos no meu dia.

A COMIDA

A segunda coisa que comecei a fazer foi diminuir em 20% a quantidade de comida, ou seja, isso significou comer menos no café da manhã e no almoço.

Para mim isso não foi muito difícil fazer, pois eu nunca fui muito chantageado pela comida, mas tenho certeza que para muitas pessoas, isso será a parte mais difícil, caso queira se experimentar desta forma também.

Em pouco tempo (umas 2 semanas) meu corpo já havia se acostumado com esta quantidade de comida e já não sentia mais a necessidade de comer maiores quantidades.

O LEITE

A terceira coisa que eu fiz, foi cortar de vez o leite da minha vida.
Eu já tinha lido diversas coisas sobre os malefícios do leite no nosso corpo, porém eu ainda era chantageado pelo leite e pela desculpa de não ter nenhum substituto para o leite com chocolate pela manhã.

Passei a tomar chá de todos os tipos e acabei descobrindo que existem opções muito saborosas e equilibradas de chá.

Um efeito colateral muito positivo causado pelo corte do leite apareceu em menos de 2 semanas. Meu nariz ficou mais liberado, pois antes eu ficava constantemente com uma das narinas entupida e tinha mais secreções também.

Esse foi um efeito colateral muito bem vindo e eu fiquei surpreso de como isso aconteceu tão rápido.

Se você tem problemas alérgicos envolvendo nariz, olhos e garganta, te recomendo experimentar ficar somente 2 semanas sem tomar leite e você verá que melhora significativa você terá.

O AÇÚCAR

A quarta coisa que eu fiz, foi cortar o açúcar da minha vida. Essa também não foi muito difícil pois eu já estava em uma época da minha vida que o açúcar não era tão importante para mim.

Foi mais fácil do que eu imaginava tomar chá sem açúcar e depois de pouco tempo, eu comecei a sentir que algumas coisas que eu comia eram muito doces para o meu paladar.

O RESULTADO

Acordando as 5:30 da manhã eu cortei de 1 a 1 hora e meia do meu sono e essa foi a parte mais difícil de todas.

Até aquele momento eu não sabia como meu corpo era dependente do sono e foi aqui que eu tive que reforçar a minha força de vontade, pois perder essa batalha não estava em pauta.

Eu fiz tudo isso de uma vez só, ou seja, eu comecei todas estas experiências quase que ao mesmo tempo e em menos de 4 meses eu já havia perdido 10 kg para o espanto de muitos e desespero da minha família, que achava eu estava doente, mas a verdade é que a minha saúde estava em sua melhor fase de toda a minha vida.

Não tive mais resfriados e gripes que eram constantes e quando pegava alguma coisa, como uma tosse e garganta irritada, ia embora bem mais rápido que o normal e sem precisar tomar remédios.

De tanto a minha mãe insistir e dizer que eu estava doente, resolvi fazer uma série de exames para deixá-la mais tranquila, e foi bem legal ouvir do médico que eu tinha feito algo que ele recomenda (perder peso) para todos os seus pacientes e que a minha saúde não poderia estar melhor.

Mas uma pergunta estava me incomodando um bocado, que era: qual dessas coisas que eu fiz foi a principal responsável pela perda de peso tão rápida?

A DESCOBERTA

No meio deste experimento, eu descobri sobre o tema Biohacking, que significa literalmente hackear ou modificar a biologia do seu corpo para saber como ele funciona.

Foi aí que eu decidi (não foi fácil) voltar a reintroduzir tudo que eu havia cortado da minha vida, um a um, para saber qual destas coisas havia causado a perda de peso.

Nessa mesma época, minha segunda filha nasceu e ao contrário da primeira, essa não dormia muito bem a noite e demandou muito da minha esposa e de mim, ou seja, a primeira coisa que eu tive que cortar de forma forçada, foi a corrida da manhã.

Isso porque a minha esposa ficava com a minha filha até as 5:00 da manhã e então eu acordava para ficar com ela para a minha esposa poder dormir um pouco.

Depois de um 1 mês, eu não só não tinha ganhado peso, como continuava perdendo.

Obviamente que a segunda coisa que me veio a mente para reintroduzir na minha vida, foi voltar a comer 20% a mais e foi isso que eu fiz.

Depois de mais um mês, eu não havia ganhado nenhum peso e continuava perdendo.

Reintroduzi o leite, mas depois de 1 semana apenas eu cortei novamente, pois todos os processos alérgicos do passado começaram a retornar.

Definitivamente eu te recomendo a cortar o leite da sua vida, pois depois eu acabei descobrindo que o ser humano só precisa tomar leite até os 2 anos de idade.

Reintroduzi o açúcar e passei a tomar chá com açúcar e as vezes com mel. 1 mês depois, nenhuma modificação no peso e cheguei ao menor peso de toda a minha vida, perdendo 15 kg no total.

Bem, sobrou apenas uma coisa a ser reintroduzida na minha vida e você já deve saber qual é certo?

O sono!

Email Address

Isso significa que eu finalmente descobri o que me fez perder peso rapidamente. Não por coincidência, foi uma das coisas mais difíceis de cortar, o sono.

Bem, tudo indica que continuarei com este peso, até porque já me acostumei a ele e também porque não pretendo voltar a dormir 8 horas por dia, pois voltar a perder quase 2 horas de vida todos os dias dormindo, não me parece interessante.

Nestas 2 horas a mais, eu aproveito para escrever estes artigos, trabalhar e produzir muito mais.

Se você fizer algumas contas, vai se surpreender com o resultado.

Digamos que você diminua 1 hora de sono por dia, todos os dias, inclusive aos finais de semana. Ao final de 1 ano, você terá ganhado 15 dias inteiros de vida produtiva.

Atenção: isso funcionou para mim e não significa que vai funcionar para você também, pois cada um de nós tem uma biologia diferente.

Sugiro que inicialmente você faça cortes mais leves em sua vida, principalmente em relação ao sono e depois vá aumentando gradativamente.

Hoje eu conheço muito mais o meu corpo do que conhecia em 2015 e você, sabe como o seu corpo funciona?
Porque não fazer um experimento de 1 mês no seu corpo também? Não precisa ser algo permanente!

Gostou desse artigo? Talvez ele possa ajudar outras pessoas também, por isso não deixe de compartilhar usando os recursos abaixo e fique à vontade para deixar o seu comentário ou a sua pergunta.

Até mais!

Pelo seu crescimento,
Rodrigo Telles

Que tal hackear permanentemente a sua vida e Despertar para quem você realmente é? Clique na imagem abaixo e saiba mais…

Seminário WakeUP

Comentários

comentários