Tempo de leitura: ~9 minutos. Você também pode ouví-lo no Podcast acima e ainda fazer download para ouvir aonde você quiser.

Não raro eu ainda encontro pessoas sem alegria de viver, que parecem fazer questão de lhe receber com uma carranca, uma máscara que se instalou definitivamente em sua face e este passou a ser o seu estado natural de ser.

Será que elas sabem o bizarro processo que se desenvolve por detrás deste estado de ser?
O que aconteceu com estas pessoas?
Porque existem pessoas tristes em seus empregos?
Porque ainda existem pessoas que trocaram a sua liberdade por um punhado de dinheiro?

Estas pessoas não conhecem o jogo, ou seja, não sabem que jogo estão jogando e como não o conhecem, não estão interessadas em ganhá-lo! Tudo se tornou apenas um acontecimento em suas vidas.

POLUIÇÃO PSICOLÓGICA

Estas pessoas vivem em um mundo tóxico e constantemente estão exalando uma substância venenosa e ao mesmo tempo contagiosa.

Este estado de ser gera a poluição psicológica. Um tipo de poluição que não possui medições oficiais mas que pode ser sentido e captado por quase qualquer ser humano.

A poluição psicológica é mais densa e danosa em ambientes de trabalho mais densos, onde milhares de pessoas trabalham e de certa forma, podem se assemelhar a um grande enxame de abelhas, onde cada abelha é movida por um senso de obrigação e dependência.

Quem não conhece o jogo, inevitavelmente é abraçado pela poluição psicológica e dela começa a fazer parte.
Lamentações coletivas, queixas constantes, esforço para encontrar culpados e um talento exacerbado para criar desculpas é o roteiro que seguem constantemente sem se dar conta.

São pessoas que trocam a sua liberdade por um punhado de ilusões ao início de cada mês.
Chamo aqui o dinheiro de ilusão, pois é no que ele se transforma para estas pessoas, apenas ilusões das quais depende cegamente.

UM HOMEM DEPENDE PORQUE É BAIXO O SEU NÍVEL DE RESPONSABILIDADE INTERIOR.
(Dreamer)

UMA PESSOA QUE SE AMA NÃO PODE DEPENDER

Uma pessoa que se ama não pode depender de ninguém e muito menos de um emprego que lhe entrega ilusões. Uma pessoa que se ama serve e não depende.

Existe uma grande diferença entre SERVIR e DEPENDER.

Uma pessoa que DEPENDE não conhece o jogo que está jogando e o seu trabalho se tornou apenas um emprego.
Quem SERVE conhece o jogo e está jogando para ganhar.

Quem SERVE faz o que faz porque ama aquilo que faz e sabe porquê faz. Transforma o seu trabalho em uma disciplina que quando bem executada, tem o poder de ajudar outras pessoas, de servir.

Quem se ama utiliza o seu trabalho para se desenvolver e não para depender. Quem se ama é livre!

A DOENÇA MAIS GRAVE DO SER HUMANO É A DEPENDÊNCIA.
(Dreamer)

Quando você se desenvolve no trabalho, você está demonstrando a si mesmo e ao Universo que se ama e que conhece o jogo.

Se o seu trabalho não lhe oferece mais possibilidades e oportunidades para se desenvolver, fuja, pois este ambiente se tornou uma prisão para você, apenas um emprego.

O TRABALHO PARA DESENVOLVER HABILIDADES

O trabalho (e não o emprego) tem por única finalidade lhe oferecer possibilidades de desenvolvimento de habilidades e por consequência, o seu desenvolvimento pessoal.

Se você entender qual é o jogo, mesmo se aquele trabalho não oferecer possibilidades claras para você se desenvolver, é possível você fazer o seu trabalho de desenvolvimento interno utilizando as características daquela função.

Pensemos em uma telefonista. Que possibilidades de desenvolvimento uma telefonista tem?
Muitas! Vou enumerar algumas:

  • Dicção
  • Pronúncia
  • Clareza das palavras
  • Entusiasmo
  • Entonação da voz
  • Alegria
  • Agilidade
  • Vocabulário
  • Compreensão
  • Jogo de cintura
  • Blindar a mente
  • Compaixão
  • Empatia
  • Servir

Se a telefonista se desenvolver em todas estas áreas, com certeza começará a se destacar no relacionamento com os clientes e se tornará uma forte candidata a uma vaga no departamento de relacionamento com o cliente ou na área de vendas.

É assim que você conseguirá ocupar níveis de responsabilidade cada vez mais altos, aproveitando cada oportunidade na função que ocupa para se desenvolver.

Já fez de tudo e a sua função não lhe serve mais a nenhum propósito e ninguém o reconhece? Fuja antes que esta função se torne uma prisão para a sua alma.

SEJA INDEPENDENTE, LIVRE. SEJA UM REBELDE. UM REBELDE NÃO DEPENDE DE NINGUÉM.
(Dreamer)

Perceba que não existe desculpa para manter aquela carranca no rosto e tratar mau as pessoas. É comum culpar o chefe por não lhe oferecer oportunidades, mas o culpado é sempre você mesmo.

Você é o dono da sua vida e se você não está se ajudando, não espere que Deus o fará. Você precisa fazer a sua parte primeiro.

Assuma a responsabilidade pela sua vida, pois ninguém o fará por você.
Seja um servidor e não um dependente!

Até a próxima!
Rodrigo Telles

Comentários

comentários